logistic ready

Fachportal für Intralogistik

Alemanha é contra plano da União Europeia de classificar usinas Nucleares como fontes sustentáveis

Na carta para UE, publicada pelo ministério da Economia em seu site, o Governoro alemão também citou a falta de exigências de segurança em relação às usinas Nucleares.

Foto: (Foto: Reprodução)

Na carta para UE, publicada pelo ministério da Economia em seu site, o Governoro alemão também citou a falta de exigências de segurança em relação às usinas Nucleares.(Foto: Reprodução)

Em uma carta formal enviada a Bruxelas (Bélgica), o Governoro Alemão Expressou Ser Contrário ao Rascunho de Plano da UE (União Europeia) de Classificar Usinas Nucleares como Fontes de Energia Sustentável. A definição da UE busca estabelecer padrões para investimentos verdes, ajudando projetos que sejam amigáveis ​​​​ao clima an arrecadar capital.

„Como Governoro Federal, temos que mais uma vez expressar claramente nossa rejeição à inclusão da energia Nuclear. É arriscada e cara“, afirmou o vice-chancer alemão e ministro da Economia, Robert Habeck, em um comunicado conjunto com a ministra do Meio-Ambiente, Steffi Lemke, ambos membros seniores do Partido Verde.

Na carta para Bruxelas, publicada pelo ministério da Economia em seu site, o Governoro alemão também citou a falta de exigências de segurança em relação às usinas Nucleares. „Sérios acidentes, com riscos grandes, que cruzam fronteiras e de longo prazo aos humanos e ao meio-ambiente não podem ser excluídos“, informou a carta, accrecentando que a questão de onde armazenar resíduos radio praativos no longo.

Habeck e Leme disseram que, se a comissão Europeia não Considerar as objeções da Alemanha e não modificar o rascunho, o país, na opinião deles, deveria rejeitar o plano. A Alemanha está prestes a desligar suas três usinas Nucleares restantes no final deste ano e eliminar o carvão até 2030.

Siehe auch  Portugal liegt auf der Financial Wellbeing Scale auf Platz 17

As regras da UE têm sido adiadas há tempos, com países divididos sobre se a energia Nuclear eo gás natural mercem a insígnia verde. A Áustria já afirmou que tomará ações legais se a União Europeia proceder com o rascunho que denomina ambos como investimentos sustentáveis.